Sábado, 18 de Setembro de 2021 17:40
(71) 98461-8442
BRASIL MP 1045 DERROTADA.

Minirreforma trabalhista do Governo Federal para tirar direitos é derrotada no Senado nesta Quarta-feira (01).

Na Bahia Otto Alencar e Jaques Wagner votaram contra a MP, Ângelo Coronel votou a favor.

02/09/2021 11h20 Atualizada há 1 semana
Por: Redação Fonte: WEB
Foto do pinel do Senado.
Foto do pinel do Senado.

O Senado Federal impôs uma derrota gigantesca a política perversa do Presidente Jair Bolsonaro. Por 47 votos á 27 os Senadores derrotaram a Medida Provisória 1047 que implantava uma minirreforma trabalhista no país para que mais direitos dos trabalhadores brasileiros fossem retirados, um exemplo seria o fim da carteira assinada para jovens jovens de 16 a 29 anos, para esses trabalhadores não haveria mais a obrigação de se pagar um salário mínimo completo. Esse trecho da MP seria uma "jabuticaba", isso porque o ponto principal do projeto seria o fim da redução da jornada de trabalho e a redução do salário.

Os Senadores da Bahia não votaram fechado em um só objetivo, Jaques Wagner (PT) e Otto Alencar (PSD) votaram a favor do trabalhador, Já o Senador Ângelo Coronel  (PSD) votou contra o trabalhador e a favor da horrenda MP. Coronel já tem histórico no Senado de votar medidas contra o trabalhador brasileiro, agora cabe a população baiana se lembrar disso nas próximas eleições, vale lembrar também para não ser injusto, que Ângelo Coronel se elegeu no mesmo palanque que Wagner, Otto e Ruy Costa.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias